Garoto trans de 8 anos comemora documento com nome social: “Queria ser Dudu”

Eduardo Lopes Freitas recebeu seu documento com nome social

Com muita timidez, como é comum em toda criança ao realizar uma entrevista, Eduardo Lopes Freitas de oito anos de idade não poupou na hora de responder a respeito do que ele foi fazer no Poupatempo de de Pindamonhanbaga, em São Paulo.

O menino de oito anos de idade respondeu que foi até o local para conseguir colocar o seu nome social em seu documento de identidade.

Ao completar oito anos no último dia 18 de julho, Eduardo ainda usava o seu antigo nome que era Maria Eduarda. Porém, já no mês seguindo conseguiu realizar a alteração de seu documento de RG para colocar o novo nome.

A partir do momento em que conseguiu colocar o seu nome social no documento, Eduardo agora passou a ser identificado com o seu nome masculino, como vinha pedindo para os seus pais a bastante tempo.

A escolha do nome, segundo ele, foi para que ficasse mais próximo do seu nome de batismo, dado pelos pais. A ideia foi manter alguma semelhança com o nome que ele usava antes.

Escrito por Reginaldo Ribeiro Teodoro

Sou especialista em notícias da TV, fofocas de famosos e acontecimentos em geral. Também escrevo sobre acontecimentos no meio político.