Adolescente morre após sofrer de choque tóxico, doença causada pelo uso de absorvente interno; Entenda

A Adolescente de apenas 17 anos deu entrada no hospital com sintomas gastrointestinais e em apenas 48 horas depois, veio a falecer.

- publicidade -

Uma adolescente de 17 anos de idade de origem belga vei a óbito, logo após ser diagnosticada com um sério problema gastrointestinal.

Infelizmente os médicos só tomaram conhecimento da causa da doença quando jã não havia muito tempo para salvar a jovem, pois contando a partir do momento da hospitalização e do óbito da moça foram apenas 48 horas.

Tudo se iniciou na segunda feira, dia 06 de janeiro, logo após chegar de uma pratica esportiva, a adolescente Maëlle Hennuy, começou a ter alguns sintomas, como febre, vômitos e diarréia.

A mãe da menina, Laurence Hennuy, teria se comunicado com o médico que atende a família, que após exames teria constatado que a meninas estaria com uma gripe gastro-intestinal.

Já chegando no dia seguinte, a febre de Maëlle continuava alta, e ao anoitecer a adolescente já não conseguia se movimentar, por causa das vertigens.

Durante uma entrevista ao portal belga RTL Info, a mãe relatou que havia verificado a pressão da adolescente, e estava 5 por 3, imediatamente acionaram a ambulância.

Enquanto era socorrida, os paramédicos da ambulância também constataram que seria um caso de gripe gastro-intestinal, e já a encaminharam direto ao hospital.

Lá ela teria recebido o mesmo diagnostico e também o de uma desidratação grave, e após 5 horas de tratamento, a adolescente teria sido levada para outra unidade médica que entrariam com cuidados e tratamentos mais restritos.

A jovem recebeu o diagnostico de síndrome do choque tóxico, o que teria se originado pelo uso de um absorvente intimo, ela teria recebido todos os cuidados necessários, mas infelizmente já não havia mais o que poderia ser feito.

Laurence relata que um dia depois sua filha veio a falecer, ela afirma que sempre conversou com a adolescente em relação aos perigos que o absorvente interno pudesse trazer.

E afirma que se o caso tivesse sido descoberto antes, ou se profissionais tivesse orientado a adolescente mais cedo, não teria chegado a essa situação.

O que é a síndrome do choque tóxico

Ela foi retratada pela primeira vez no ano de 1978, sendo uma doença bem incomum, que pode atingir qualquer um dos dois sexos, originada pelas toxinas de bactérias Gram-positivas, em especial a Staphylococcus aureus.

Essa especie de bactéria vive em lugares com a presença de mucosa, como a vagina, mas ao ter contato com a corrente sanguínea de uma pessoa, ela pode estimular varias reações bem graves.

O ideal é fazer as trocas do absorvente entre 2 a 4 horas, levando em consideração o nível do fluxo do ciclo menstrual. Quando ocorre de utilizar o absorvente por um longo período mais que 6 horas, ele acaba sendo um meio fácil para a proliferação das bactérias na região da vagina.

- publicidade -

Escrito por Margareth Santos

Me chamo Margareth Santos, Sou mãe e tenho uma família linda, Gosto de dedicar uma parte do meu tempo levando noticias e informações através de matérias relacionadas a tudo, inclusive de saúde, culinária, famosos e do mundo da maternidade.